Nosso Blog

 

Placas ou telhas de policarbonato? Conheça melhor e saiba qual usar na sua cobertura.

Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela ativa
 

Assim como há mais que um tipo de placa de policarbonato e cada um dos tipos atende melhor a especificações diferentes de projetos, há também mais que um tipo de telhas.

Elas podem ser tanto onduladas, quanto trapezoidais. Em outras palavras, podem ser em formato de ‘ondinhas’, como as telhas comuns, ou levemente quadriculadas, promovendo um acabamento diferenciado.

Mas, na prática, eu devo usar telha ou placa? 

Isto depende muito da situação. Quando todo o projeto foi feito com telhas comuns, e você quer apenas um ponto de luz, diretamente em uma janela, por exemplo, para iluminar o interior, pode ser mais prático usar apenas uma telha, acompanhando o modelo das outras já instaladas.

Mas, quando é uma área ainda descoberta, vale a pena utilizar as placas. Além de economizar na estrutura, que não precisa ser feita para aguentar muito peso, você economiza também em tempo e mão de obra. Menos trabalho para colocar, menos mão de obra e manutenção, e muito mais luminosidade.

As coberturas em policarbonato são sempre instaladas por mão de obra especializada, e como a cobertura é pré-montada, o trabalho é sempre bem rápido e livre de bagunça ou sujeira. Tanto as dimensões das placas quanto as espessuras, dependem do que se espera como resultado.

Como escolher qual modelo de policarbonato usar?

O primeiro passo é saber o que é esperado daquele ambiente. Questões como a quantidade de iluminação, controle de temperatura, capacidade de ventilação, e privacidade, devem estar na lista.

Até mesmo a quantidade de ruído esperada, bem como o pé-direito, deve ser levada em conta. Estes fatores podem influenciar no tipo de material a ser usado, na forma de aplicação, e no tempo de instalação.

Para controlar a temperatura, o ideal é escolher uma placa com efeito refletivo, pode ser alveolar ou mesmo compacta, desde que tenha este tratamento. Este tipo vai manter o ambiente mais fresco que o exterior, perceptivelmente. Cerca de 30% da luz é refletido de volta, resultando em menor calor sob a cobertura.

Quando o assunto é privacidade, vale a pena apostar nas alveolares. Se é para cobrir uma piscina, áreas internas com janelas, varandas ou similares, e você não quer ser observado e visto por outras pessoas, esta é o ideal. Ela é oca, possuindo alvéolos por dentro, dando um efeito canelado, onde é possível receber luz, sem permitir nitidez nas imagens.

Se você quer o máximo da luz, e o máximo da resistência, é indicado que use as placas compactas. Elas são lisas, deixam passar 90% da luz natural, possuem – assim como as outras – um tratamento anti UV que protege tudo o que está sob elas, e ainda são 250 vezes mais resistentes que o vidro.

De qualquer modo, há um tipo de policarbonato que atende à sua necessidade. Em todos os casos, vale ficar ciente de que elas têm baixa resistência a abrasão, por isto, é bom sempre perguntar se as placas que serão colocadas na sua casa possuem um tratamento extra contra arranhões. Este tipo de cuidado é comumente conhecido como película anti-abrasiva.

Solicite em orçamento sem compromisso agora mesmo!

Preencha o formulário abaixo com informações do seu projeto para que possamos providenciar em orçamento para você.
Selecione
Descreva seu projeto

Rua Aricá Mirim 753 - São Paulo

  • E-mail: contato@flexcoberturas.com.br
  • Fone: (11) 4114-5498
  • Whatsapp: (11) 94030-7229

Newsletter

Cadastre seu email para receber nossas promoções e novidades.

Conte um pouco de seu projeto para nós

Orçamento pelo Whatsapp
Close and go back to page

Respeitamos a sua privacidade. Nosso site usa cookies para melhorar a navegação.
Ao utilizar o nosso site, você está concordando com os nossos Termos de Uso e Condições.